Você está convidado para uma noite inesquecível

dia de portugal e açores 2014

Anúncios

Renda de bilros: de Santa Catarina aos Açores

“Renda de bilros: de Santa Catarina aos Açores” é o nome do projeto idealizado pela CAISC em parceria com o governo regional dos Açores que levaram a São Miguel duas rendeiras de Florianópolis para reativar a tradição das rendas de bilros. Curiosamente uma tradição que chegou a Florianópolis com os povoadores açorianos que rumaram ao Sul do Brasil no século XVIII, mas que entretanto se perdeu nos Açores. Neste curso de renda de bilros participaram durante três semanas 30 mulheres em situação de desemprego, divididas metade nas instalações da Santa Casa da Misericórdia da Ribeira Grande e outra metade na Biblioteca Pública de Ponta Delgada, orientadas pelas rendeiras Maria da Glória Soares e Maria de Lourdes de Jesus. Ao final do curso foi idealizada uma exposição por Carin Machado e Maria Armenia Wendhausen que contou também com outros trabalhos de rendeiras de Florianópolis e de vários trabalhos do artista Jone de Araújo, presidente da Casa dos Açores da Ilha de Santa Catarina.

 rodrigo  oliveira  

Inicia o Cilo das Festas do Divino em Florianópolis

Exibindo CONVITE 2 - Ciclo do Divino 2014 (2).PNG

As ruas do centro da cidade ganharam um colorido especial no sábado (24) com a passagem de reis e rainhas, relembrando uma tradição dos tempos do Império. Cortejos imperiais desfilaram pelo Centro Histórico anunciando o início do Ciclo de Festas do Divino Espírito Santo em Florianópolis, introduzidas pelos imigrantes açorianos no século 18. O calendário festivo foi aberto oficialmente pelo prefeito Cesar Souza Júnior, em solenidade que teve a participação de representações de 13 comunidades da Capital e comitivas de quatro municípios da Grande Florianópolis.

Realizada pela Secretaria Municipal de Cultura e Fundação Franklin Cascaes, a programação iniciou com a concentração dos participantes em frente à Casa da Memória, onde houve o hasteamento da bandeira do Divino e a bênção dos pãezinhos, que foram distribuídos ao público durante o cortejo. Ao final do desfile, ocorreu o encontro das bandeiras do Divino no largo da Catedral, e apresentações do coral Vozes do Divino, Tocata & Bailo Raízes Açorianas da CAISC e da soprano Claudia Todorov.

Participaram do evento as comunidades festeiras da Capital, além de comitivas dos municípios de Palhoça, Santo Amaro da Imperatriz, Governador Celso Ramos e São José, que este ano tem como festeira a prefeita Adeliana Dal Pont. As atividades contaram com a parceria cultural da Casa dos Açores Ilha de Santa Catarina e da Irmandade do Divino Espírito Santo de Florianópolis.

As atividades contaram com a parceria cultural da Casa dos Açores Ilha de SantaCatarina e da Irmandade do Divino Espírito Santo de Florianópolis. Participaram do evento as comunidades festeiras da Capital, além de comitivas dos municípios de Palhoça, Santo Amaro da Imperatriz, Governador Celso Ramos e São José, que este ano tem como festeira a prefeita Adeliana Dal Pont.

Acontece em setembro o Iº Colóquio Catarinense de Genealogia

Logo coloquio

INSCRIÇÕES ABERTAS:  www.ingesc.org.br

O Instituto de Genealogia de Santa Catarina – INGESC realizará, nos dias 13, 14 e 15 de setembro de 2013, em Florianópolis – SC, o I Colóquio Catarinense de Genealogia – com o tema: Memória Familiar – Como Pesquisar, Organizar e Publicar. A Programação do Colóquio incluirá, dentre outras atividades, a realização de Palestras e Mesas Redondas na sexta e sábado, e no domingo de manhã atividade externa no Centro Histórico de Florianópolis. E é na perspectiva de valorização da Família e das pesquisas de nossas raízes que através da parceria que temos com a Casa das Açores Ilha de Santa Catarina em convenio com a Direção Regional das Comunidades do Governo dos Açores, que o mesmo material do boletim nr. 04, seja utilizado para fazermos palestras nas escolas sobre genealogia, distribuiremos o boletim para as crianças terem um roteiro de como pesquisar, e no encontro e valorização dos idosos para buscar suas histórias de vida, ou seja, da busca da nossa Memória Familiar. Assim, convidamos associados e demais pesquisadores/entidades para participarem das palestras e das Mesas Redondas. Venha dividir conosco suas experiências.  Os interessados devem fazer sua inscrição conforme instruções na nossa página.

   

Programação

Dia 13 de setembro – Sexta-feira

18:00
Recepção e Credenciamento dos participantes (entrega de credenciais)
19:00
Cerimonial – Solenidade de Abertura
19:30
Comunicado: A Questão do acesso à informação contida nos Acervos Públicos.
Apresentação: Fernando Cesar Gomes Machado, com a participação de um membro do MPSC.
20:00
Comunicado: Sobre a “Coleção Memória Familiar” com o lançamento do primeiro livro da coleção: O Voo das Curucacas: Estudo Genealógico de Famílias Serranas de Santa Catarina.
Apresentação: Fernando Cesar Gomes Machado, Ismênia Ribeiro Schneider e Daniela Ribeiro Schneider.
20:30
Coquetel de abertura com lançamento de livro.
21:30
Encerramento

Dia 14 de setembro – Sábado – Manhã

08:00
Inicio dos Trabalhos
08:30
Como Pesquisar
Sobrenomes e prenomes entre luso-brasileiros em Santa Catarina.
Apresentação: Sergio Luiz Ferreira Doutor em História pela UFSC(2006), mestrado em História pela UFSC(1994) e graduado em Filosofia pela Escola Superior de Estudos Sociais – Fundação Educacional de Brusque (1991).
09:45
Como Pesquisar
Projeto Genealogia nas Escolas.
Apresentação: Regina Cascão – Presidente do CBG e Fernando Cesar Gomes Machado – Presidente do INGESC
10:30
Intervalo para Café
Lançamento de Livros Infantis e apresentação de livros dos associados.
11:00
Como Pesquisar
Fontes alternativas: Os Jornais
Apresentação: Diego de Leão Pufal,  Genealogista e servidor publico do TJSC.
12:00
Intervalo para Almoço

Dia 14 de setembro – Sábado – Tarde

14:00
Apresentação Cultural – Vídeo
14:30
Como Pesquisar
Introdução a Paleografia
Apresentação: Membro de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias ( Igreja dos Mórmons).
15:30
Como Organizar
Conservação de Acervo Pessoal – Suporte Papel
Apresentação: GILIARD DE SOUZA. Acadêmico em Filosofia e Museologia e Conservador de Bens Culturais.
16:30
Intervalo para Café
17:00
Como Organizar e Publicar
Mesa Redonda: Uma Visão Organizada da Publicação Genealógica
Apresentação 1: Regina Cascão – Presidente do Colégio Brasileiro de Genealogia – CBG
Apresentação 2: Orivalda Lima Silva – Historiadora e Chefe do Museu do TJSC.
19:00
Considerações Finais e Agradecimentos.
Pausa para Fotos.
 20:00
Encerramento – Noite Livre

Dia 15 de setembro – Domingo – Manhã

09:00
Abertura dos trabalhos em frente a Catedral Metropolitana – Praça XV
09:20 até 12:00
Passeio pelo Centro Histórico de Florianópolis – Buscando a Memória Arquitetônica
Com a participação da Professora Eliane Veras da Veiga
Formada em arquitetura e urbanista, é professora do Curso de Arquitetura e Urbanismo da Unisul. Atuou de 1982 a 1996, no Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (IPUF), onde gerenciou o Projeto Renovar de Reabilitação da Arquitetura Histórica de Florianópolis. Desde 1996 trabalha na Fundação Cultural de Florianópolis – Franklin Cascaes, onde foi Coordenadoria de Patrimônio Cultural, gerenciou a Casa da Memória e desenvolve pesquisas, notadamente na área da história oral. A pesquisadora, sócia efetiva do IHGSC, é mestra em História Regional (1990), tendo dissertado sobre as modificações da paisagem do centro de Florianópolis ao longo dos últimos séculos. É autora de diversos livros.
HOTÉIS PRÓXIMOS AO EVENTO

HOTEL

SITE

TELEFONE

VALOR TARIFA

Intercity Hotel

(48) 3027-2200

SGL / DBL – Luxo R$ 179,00 2,5%

Hotel Plaza Baía Norte

(48) 3229-3144

SGL R$ 158,00 + 2,5%

DBL R$ 179,00 +2,5%

Porto da Ilha Hotel

(48) 3229-3000

SGL R$ 167,00+2,5%

DBL R$ 188,00+2,5%

IBIS Hotel

(48) 3216-0000

SGL/DBL R$ 159,00 + R$15,00

cafè da manhã

Cecomtur

(48) 2107-8800

SGL139,00 2,5%

DBL172,00 2,5%

      

LOCAL:

Auditório Luiz Carlos Schmidt de Carvalho – Ministério Público de Santa Catarina

Rua Bocaiúva, 1750 – Centro Executivo Casa do Barão – Florianópolis – SC.

.

ORGANIZAÇÃO E COORDENAÇÃO 

Instituto de Genealogia de Santa Catarina – INGESC 

http://www.ingesc.org.br

Tânia Arruda Kotchergenko

São José,SC

Blog: http://lageshistorica.blogspot.com

Pesquisando a história e a genealogia dos pioneiros povoadores do Planalto Catarinense

    

APOIO CULTURAL

Casa dos Açores Ilha de Santa Catarina – CAISC

Avenida Hercílio Luz, 639 – sala 908

Edifício Alpha Centauri – Centro

88.010-970 – Florianópolis – SC

Fone: 0055 48 3224 8514

e.mail: caisc.ilha@gmail.com

www.wix.com/boletimcaisc/boletimcaisc

caiscblog.wordpress.com

CAISC no Dia da Açorianidade

Aconteceu no último sábado, 31/08, solenidade alusiva ao Dia Municipal da Açorianidade, em Santo Antonio de Lisboa, abrindo as atividade da Festa do Divino Espírito Santo 2013, naquela comunidade.  A CAISC foi representada, neste ato solene, pela sua diretora de assuntos comunitários, Carin Machado, que foi uma das autoridades no hasteamento das bandeiras. Nesta data, também foram realizadas as receitas açorianas pelas senhoras de São Miguel, da Casa dos Açores de São Paulo.

caisc 31 120 caisc 31 116 caisc 31 112 caisc 31 111caisc 31 108caisc 31 118

Intercambio Cultural – Rendeiras

Aconteceu em meados de agosto a vinda de rendeiras do estado nordestino do Sergipe. A visita se deu fruto do intercâmbio cultural realizado em conjunto com o ministério da cultura, o que resultou em novos conhecimentos pela importante troca de experiências com as nossas rendeiras de Sambaqui, onde participaram de oficinas de troca de saberes.

A CAISC, durante o intercâmbio cultural com as rendeiras de Sergipe, que aconteceu no Sambaqui com a presença sempre constante de nossos diretores Jone Araújo e Mena Wendhausen.

Foto: Casa dos Açores no intercâmbio cultural com as rendeiras de Sergipe

A rendeira Glorinha trocando experiências com rendeiras de bilro de Poço Redondo (SE) numa oficina de troca de saberes.

Foto: Glorinha trocando experiência com rendeiras de bilro de Poço Redondo - SE numa oficina de troca de saberes.

Essa é a rendeira Dominga (SE), num momento de descontração experimentando a melhor ostra do Brasil na praia do Forte em Florianópolis.

Foto: Essa é nossa amiga Dominga, sergipana experimentando a melhor ostra do Brasil na praia do Forte em Florianópolis.
Semana de intercâmbio com as rendeiras de Florianópolis na Associação Bairro de Sambaqui, da esquerda para a direita Dominga (Se) Valdete, Luizia (Se), Nirivalda, Glorinha (de roxo) cantando a Ratoeira acompanhada de Benta e Elita.

Foto: Despedindo-se da semana de intercâmbio com as rendeiras de Florianópolis na Associação Bairro de Sambaqui, da esquerda para a direita Dominga( Se) Valdete, Luizia(Se), Nirivalda,Glorinha  de roxo cantando a Ratoeira acompanhada de Benta e Elita.

CAISC vai estar na Festa do Divino Espírito Santo e de Nossa Senhora das Necessidades em Santo Antônio de Lisboa

A CAISC, como acontece há cerca de dez anos, participa das comemorações da Festa do Divino Espírito Santo da comunidade de Santo Antônio de Lisboa, no norte da Ilha. E este ano vem com novidades ao trazer da Casa dos Açores de São Paulo, cozinheiras açorianas que com certeza marcarão sua passagem pela Ilha ao participarem ativamente daquela tradicionalíssima Festa.

Casarão e Engenho dos Andrade. Foto/Arquivo: Celso Martins

PROGRAMAÇÃO

Farinhada

– 24 de agosto (sábado). Lançamento oficial da festa 20h – Início da 16ª Farinhada do Divino 20h15 – Novena do Divino Espírito Santo rezada em Latim 21h30 – Show musical com grupo “Engenho Acústico” Serviço de bar e gastronomia típica de engenho. Local: Centro Cultural Engenho dos Andrade (rua Caminho dos Açores, 1180).

Melhor Forneiro 

– 25 de agosto (domingo) 11h – Continuação da “Farinhada do Divino”, no Engenho dos Andrade, com serviço de almoço e Café de Engenho. 14h – Música no Engenho. 15h – Concurso de Forneiro (chefs dos restaurantes locais irão analisar a melhor farinha e apontar o melhor forneiro).

Açorianidade, carreteiro e carreata

– 31 de agosto (sábado) – Dia Municipal da Açorianidade 17h30 – Abertura oficial da festa, com hasteamento das Bandeiras no pátio da Igreja. 17h45 – Solenidade alusiva à primeira comemoração do Dia da Açorianidade em Florianópolis. 18h – 12ª Carreata do Divino (Desfile de Carros de Boi, na Rua Cônego Serpa). 20h – Boi de Mamão. 20h – Carreteiro do Divino/ Som do Trio Gente da Terra. Serviço de bar e gastronomia no salão da igreja Valérico João de Souza.

Culinária

– 1º de setembro (domingo) 09h30 – Missa da Família Imperial na Igreja de Nossa Senhora das Necessidades. 15h00 – Oficina de cozinha típica de Festa do Espírito Santo nos Açores (mal-assadas e massas sovadas). Realização: Casa dos Açores Ilha de Santa Catarina e Casa dos Açores de São Paulo.

Exposição e lançamento

– 3 de setembro (terça) 20h – Abertura da exposição “Festas do Divino em Santo Antônio de Lisboa”. Fotografias de Edson Luiz da Silva (Velho Bruxo). Realização: Núcleo de Estudos Açorianos da UFSC. 20h30 – Lançamento no Brasil do livro “Bom dia ouvintes do Manhãs de Sábado”, de Paulo Ricardo Caminha. O livro já foi lançado nos Açores, Portugal. Local: Salão Valérico João de Souza.

Risoto do Divino

– 4 de setembro (quarta) 19h30 – Missa dos Juízes da Festa (1ª Missa do Tríduo de Preparação para a festa) 21h – Risoto do Divino. 21h15 – Música com Marcelo Muniz, Grupo do Engenho dos Andrade. Local: Salão Valérico João de Souza.

9º Cozido do Divino

– 5 de Setembro (quinta) 19h30 – Missa dos casais imperiais dos anos anteriores (2ª Missa do Tríduo de Preparação para a festa) 21h00 – 9º Cozido do Divino. 21h15 – Show: Cantares da Ilha de Santa Catarina.

Cortejos

– 6 de Setembro (sexta) 19h30 – Trasladação do Cortejo Imperial da Casa do Império para a Igreja / Irmandade do Divino Espírito Santo / Banda Amor à Arte. Saída da residência de José Carlos Blanco e Maria Helena Dutra Blanco, rua Cônego Serpa, nº 200. 20h – Missa do Sagrado Coração de Jesus (3ª Missa do Tríduo de Preparação para a festa). 21h00 – Trasladação do Cortejo Imperial da Igreja para o Trono do Império. 21h30 – Pau de Fita do Grupo Olaria de Sambaqui. 22h15 – Show: Banda Victor’s. 1h30 – Encerramento.

Cortejo e Coroação

– 7 de setembro (sábado) 19h – Trasladação do Cortejo Imperial da Casa do Império para a Igreja / Irmandade do Divino Espírito Santo / Banda Amor à Arte. Saída da residência de José Carlos Blanco e Maria Helena Dutra Blanco, rua Cônego Serpa, nº 200. 19h30 – Missa Solene com a COROAÇÃO da imagem secular de Nossa Senhora das Necessidades por crianças e jovens da comunidade/Coral. 21h30 – Tradicional Show Pirotécnico e trasladação do Cortejo Imperial da Igreja para o Trono do Império. 21h45 – Grupos Arcos: Danças e Cantares Açorianos de Biguaçu. 22h30 – Show: Banda Fórum. 1h30 – Encerramento.

Missa Solene c/ Dom Wilson Tadeu Jönk

– 8 de Setembro (Domingo) – Dia de Nossa Senhora das Necessidades 9h30 – Trasladação do Cortejo Imperial. Saída da residência do pai do Imperador, Sr. Hercílio Pedro Marciano, rua Flordovina Ventura Marciano, nº 80, Barra de Sambaqui. Irmandade do Divino Espírito Santo / Banda Amor à Arte. 10h30 – Missa solene com a COROAÇÃO DO REI / Celebrante Dom Wilson Tadeu Jönk, Arcebispo Metropolitano de Florianópolis / Grupo de Canto Nossa Senhora do Rosário de Enseada de Brito. 11h40 – Trasladação do Cortejo Imperial da igreja para o Trono do Império 12h00 – Almoço Festivo com animação musical de Ari Rosa. 15h00 – Show infantil: Grupo Alevanta Boi. 15h50 – Início dos serviços do Café Açoriano. 17h30 – Trasladação do Cortejo Imperial da Casa do Império para a Igreja / Irmandade do Divino Espírito Santo / Banda Amor à Arte. Saída da residência de José Carlos Blanco e Maria Helena Dutra Blanco, rua Cônego Serpa, nº 200. 18h – “Celebração da Palavra” e apresentação do CASAL IMPERIAL da Festa do Divino de 2014. 19h – Show: Garotos Sertanejos 21h – Encerramento Geral.

Coroação em 2012. Foto: Milton Ostetto. Arquivo: Daqui na Rede

Comunicando Cultura em Jurerê

No ultimo domingo, 18, a CAISC realizou na sede da Associação Folclórica Boi de Mamão de Jurerê, entidade presidida pelo Mestre Marreba (Sérgio), o evento Comunicando a Cultura: o Folguedo do Boi-de-Mamão. Representantes de associações folclóricas, Caisc, FCCFC, artistas e comunidade, além da presença do Secretário da Cultura, Luiz Moukarzel, prestigiaram o encontro. Além das comunicações da CAISC, o casal de associados Osmarina e Paulo Villalva entreteram a criançada na oficina de artesanato, em barro. Ao final, os participantes confraternizaram-se apreciando um belo coquetel da culinária de engenho, incluindo o biju e a rosca de polvilho. Foi um encontro muito importante pois conseguimos com esta iniciativa aproximar a comunidade para conhecer de perto as ações que a Caisc promove e promoverá, haja vista o seu comprometimento com a cultura de base açoriana em um dos seus maiores redutos na Ilha, Jurerê. Parabéns a todos pela dedicação e organização do evento.

Diretoria de Comunicação.

comunicando_n

1808201343918082013438 18082013435 18082013434 1808201343218082013424 18082013425 18082013426 18082013430comunicando cultura jurere 7comunicando cultura jurere 6 comunicando cultura jurere 11 comunicando cultura jurere 9 comunicando cultura jurere 10

Assembléia Geral

Nesta quarta feira, 14/08, aconteceu, na sede da Caisc, a primeira Assembléia Geral do ano, onde foram debatidos, entre outros, a prestação de contas do período, parcerias com a FCFFC e a viagem a Pouso Redondo/AL. Apesar do quórum reduzido a Assembléia transcorreu dentro da normalidade prevista. Os assuntos foram debatidos pelos presentes e encaminhados para providencias.  A assembléia foi dada por encerrada em torno das 20:30 horas.